top of page
  • Foto do escritorAbner Vellasco

Confira os 3 principais mitos e verdades sobre o seguro de vida



Você sabe como funciona seguro de vida? Atualmente, a opção tem sido muito utilizada para garantir que os entes queridos e dependentes continuem com um estilo de vida de qualidade em caso de falecimento ou acidente do segurado.


No entanto, existem vários mitos que rondam o assunto, fazendo com que boa parte das pessoas fique insegura em contratar esse tipo de serviço. Em alguns casos, o segurado desconhece seus benefícios e a cobertura de sua apólice, correndo graves riscos financeiros em situações de imprevisto.


Para esclarecer as dúvidas de quem pretende investir no seguro de vida, listamos abaixo quais são as verdades e mentiras a respeito do tema. Veja a seguir!


1) O seguro de vida só é usado em caso de falecimento

Mito! Um dos grandes equívocos é pensar que as coberturas do seguro de vida só valem após a morte do segurado. Na verdade, o que pouca gente sabe é que o valor do seguro também pode ser utilizado, dependendo das coberturas da apólice contratada, em situações como:


  • incapacidade temporária total ou parcial por acidente;

  • diagnóstico de câncer, exceto câncer de pele;

  • doenças terminais;

  • Diária por Incapacidade Temporária (DIT), indicado para profissionais que podem contar com o seguro para garantir seus rendimentos em caso de acidente ou doença que os afaste do trabalho;

  • despesas médico-hospitalares e odontológicas em caso de acidente.


2) O seguro de vida é importante para pessoas solteiras e sem filhos

Verdade! A contratação do seguro de vida pode ser feita para garantir a estabilidade financeira do próprio segurado em situações de invalidez ou doença grave, por exemplo.


O próprio segurado conseguirá se beneficiar com o valor do seguro em caso de doenças terminais, invalidez temporária ou permanente, para arcar com os custos de tratamento.


3) Seguro de vida não pode ser cancelado

Mito! Temos aqui mais uma inverdade sobre como funciona seguro de vida. Até hoje, muita gente acredita que esse tipo de serviço não pode ser cancelado. Grande engano!


Em muitos casos, essa negociação pode, sim, ser cancelada ou modificada — até mesmo com o recebimento parcial do dinheiro investido. Contudo, sempre indicamos que o usuário analise atentamente as possibilidades de resgate antes de fechar qualquer contrato com a empresa.


Se você teve problemas para receber a indenização do seu seguro, procure um advogado especialista!


Entre em contato pelos nossos canais:







Comments


bottom of page